Postagens

Mostrando postagens de Outubro 21, 2015

Oração de fé de um servo idoso

Imagem
Salmos: 71. 1. Em ti, Senhor, me refugio; nunca seja eu confundido. 2. Na tua justiça socorre-me e livra-me; inclina os teus ouvidos para mim, e salva-me. 3. Sê tu para mim uma rocha de refúgio a que sempre me acolha; deste ordem para que eu seja salvo, pois tu és a minha rocha e a minha fortaleza. 4. Livra-me, Deus meu, da mão do ímpio, do poder do homem injusto e cruel, 5. Pois tu és a minha esperança, Senhor Deus; tu és a minha confiança desde a minha mocidade. 6. Em ti me tenho apoiado desde que nasci; tu és aquele que me tiraste das entranhas de minha mãe. O meu louvor será teu constantemente. 7. Sou para muitos um assombro, mas tu és o meu refúgio forte. 8. A minha boca se enche do teu louvor e da tua glória continuamente. 9. Não me enjeites no tempo da velhice; não me desampares, quando se forem acabando as minhas forças. 10. Porque os meus inimigos falam de mim, e os que espreitam a minha vida consultam juntos, 11. dizendo: Deus o desamparou; persegui-o e prendei-o, pois não h…

Reflexão

Imagem
Reflexão - Lc 12, 39-48 O Filho do Homem vai chegar na hora em que menos esperamos, pois ele está sempre chegando até nós nos pobres e necessitados. Os que esperam a vinda de Jesus somente no último dia tornam-se pregadores do fim do mundo e vivem uma fé ritual, são incapazes de amar verdadeiramente e, na verdade, não conhecem Jesus presente em suas vidas, possuem uma fé egoísta, pois a espera de Jesus não é para o encontro com ele, mas para ganhar o prêmio eterno. A longa espera e a falta de vivência concreta do amor faz com que essas pessoas desanimem e maltratem seus irmãos e irmãs, fazendo-se merecedores da sorte dos infiéis. via Liturgia Diária Católica - https://play.google.com/store/apps/details?id=com.alexandreoliveira.liturgiadiariacatolica

Evangelho de Lucas

Imagem
Evangelho - Lc 12, 39-48 A quem muito foi dado, muito será pedido. + Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 12,39-48 Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 39Ficai certos: se o dono da casa soubesse a hora em que o ladrão iria chegar, não deixaria que arrombasse a sua casa. 40Vós também ficai preparados! Porque o Filho do Homem vai chegar na hora em que menos o esperardes'. 41Então Pedro disse: 'Senhor, tu contas esta parábola para nós ou para todos?' 42E o Senhor respondeu: 'Quem é o administrador fiel e prudente que o senhor vai colocar à frente do pessoal de sua casa para dar comida a todos na hora certa? 43Feliz o empregado que o patrão, ao chegar, encontrar agindo assim! 44Em verdade eu vos digo: o senhor lhe confiará a administração de todos os seus bens. 45Porém, se aquele empregado pensar: 'Meu patrão está demorando', e começar a espancar os criados e as criadas, e a comer, a beber e a embriag…

Salmo

Imagem
Salmo - Sl 123,1-3. 4-6. 7-8 (R. 8a) R. Nosso auxílio está no nome do Senhor. 1Se o Senhor não estivesse ao nosso lado, * que o diga Israel neste momento; 2se o Senhor não estivesse ao nosso lado, * quando os homens investiram contra nós, 3com certeza nos teriam devorado * no furor de sua ira contra nós.R. 4Então as águas nos teriam submergido, * a correnteza nos teria arrastado, 5e então, por sobre nós teriam passado * essas águas sempre mais impetuosas. 6Bendito seja o Senhor, que não deixou * cairmos como presa de seus dentes!R. 7Nossa alma como um pássaro escapou * do laço que lhe armara o caçador; o laço arrebentou-se de repente, * e assim nós conseguimos libertar-nos. 8O nosso auxílio está no nome do Senhor, * do Senhor que fez o céu e fez a terra!R. via Liturgia Diária Católica - https://play.google.com/store/apps/details?id=com.alexandreoliveira.liturgiadiariacatolica

Primeira leitura

Imagem
1ª Leitura - Rm 6, 12-18 Oferecei-vos a Deus como pessoas que passaram da morte à vida. Leitura da Carta de Sóo Paulo aos Romanos 6,12-18 Irmóos: 12Que o pecado nóo reine mais em vosso corpo mortal, levando-vos a obedecer às suas paixðes. 13Nóo ofereçais mais vossos membros ao pecado como armas de iniqüidade. Pelo contrário, oferecei-vos a Deus como pessoas vivas, isto é, como pessoas que passaram da morte à vida, e ponde vossos membros ao serviço de Deus como armas de justiça. 14De fato, o pecado nóo vos dominará, visto que nóo estais sob o regime da Lei, mas sob o regime da graça. 15Entóo, iremos pecar, porque nóo estamos sob o regime da Lei, mas sob o regime da graça? De modo algum! 16Acaso nóo sabeis que, oferecendo-vos a alguém como escravos, sois realmente escravos daquele a quem obedeceis, seja escravos do pecado para a morte, seja escravos da obediência para a justiça? 17Graças a Deus que vós, depois de terdes sido escravos do pecado, passastes a obedecer, de coraçóo, …