Postagens

Mostrando postagens de Julho 4, 2019

Comentários de Santo Agostinho

Quinta-feira, dia 4 de Julho de 2019 : Commentary Santo Agostinho «E, se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus de entre os mortos habita em vós, Ele, que ressuscitou Cristo de entre os mortos, também dará vida aos vossos corpos mortais» (Rom 8,11). Agora é um corpo humano natural; depois será um corpo espiritual. Pois «o primeiro homem, Adão, foi feito um ser vivente e o último Adão um espírito que vivifica» (1Cor 15,45). Eis a razão pela qual «Ele dará a vida aos vossos corpos mortais, por causa do Espírito que habita em vós». Ah! Que feliz aleluia cantaremos então! Que segurança! Já não haverá adversário, nem inimigo; não perderemos nenhum amigo. Aqui na Terra, cantamos os louvores de Deus no meio de preocupações; no Céu, cantá-los-emos em perfeita tranquilidade. Aqui, cantamo-los em face da morte; no Céu, teremos uma vida que não acaba. Aqui, na esperança; no Céu, na realidade. Aqui, somos viajantes; lá, estaremos na nossa pátria. Cantemos portanto, desde agora, irmãos, não para…

Livro de Salmos

Quinta-feira, dia 4 de Julho de 2019 : Livro de Salmos 115(113B),1-2.3-4.5-6.8-9. Amo o Senhor, porque ouviu a voz da minha súplica. Ele me atendeu no dia em que O invoquei. Apertaram-me os laços da morte, caíram sobre mim as angústias do além, vi-me na aflição e na dor. Os ídolos dos gentios são ouro e prata, são obra das mãos do homem. Têm boca e não falam, têm olhos e não veem. Têm ouvidos e não ouvem, têm nariz mas sem olfato. Serão como eles os que os fazem e quantos neles põem a sua confiança. A casa de Israel confia no Senhor, Ele é o seu auxílio e o seu escudo.

Livro de Gênesis

Quinta-feira, dia 4 de Julho de 2019 : Livro de Génesis 22,1-19. Naqueles dias, Deus quis pôr à prova Abraão e chamou-o: «Abraão!» Ele respondeu: «Aqui estou». Deus disse: «Toma o teu filho, o teu único filho, a quem tanto amas, Isaac, e vai à terra de Moriá, onde o oferecerás em holocausto, num dos montes que Eu te indicar». Abraão levantou-se de manhã cedo, aparelhou o jumento, tomou consigo dois dos seus servos e o seu filho Isaac. Cortou a lenha para o holocausto e pôs-se a caminho do local que Deus lhe indicara. Ao terceiro dia, Abraão ergueu os olhos e viu de longe o local. Disse então aos servos: «Ficai aqui com o jumento. Eu e o menino iremos além fazer adoração e voltaremos para junto de vós». Abraão apanhou a lenha do holocausto e pô-la aos ombros do seu filho Isaac. Depois, tomou nas mãos o fogo e o cutelo e seguiram juntos o caminho. Isaac disse a Abraão: «Meu pai». Ele respondeu: «Que queres, meu filho?». Isaac prosseguiu: «Temos aqui fogo e lenha; mas onde está o cordeir…