Deus Eterno Criador de todas as Coisas Visíveis e Invisiveis

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

O SENHOR é o meu refúgio

Salmos: 90. 1. Oração de Moisés, homem de Deus. Senhor, tu tens sido o nosso abrigo, sempre, de geração em geração. 2. Antes que se originassem os montes e formasses o universo e a terra, de eternidade a 3. Tu reduzes o ser humano ao pó, afirmando: “Retornai ao pó, filhos dos homens!” 4. Verdadeiramente, mil anos aos teus olhos, são como o dia de ontem, que já passou, e como as poucas horas das primeiras vigílias da noite. 5. Tu arrastas os homens na correnteza da vida; são breves como o sono; são todos como a relva que brota com a alvorada, 6. germina e floresce pela manhã, mas, ao pôr-do-sol, murcha e seca. 7. Porquanto somos consumidos por tua ira e perante tua indignação ficamos pasmos! 8. Tu conheces bem nossas iniquidades; nossos pecados mais secretos não escapam à luz da tua face. 9. Sim, todos os nossos dias dissipam-se diante do teu furor, findamos os anos como um suspiro. 10. De fato, os dias de nossa vida chegam a setenta anos, ou a oitenta para os que têm mais saúde; entretanto, a maior parte dos anos é de labuta e sofrimentos, porquanto a vida passa muito depressa, e nós voamos! 11. Quem é capaz de conhecer a força da tua ira e de tua cólera, segundo o temor que te é devido? 12. Sendo assim, ensina-nos, pois, a contar nossos dias, a fim de que possamos alcançar um coração verdadeiramente sábio! 13. Volta-te para nós, ó Eterno! Até quando haveremos de esperar? Tem compaixão dos teus servos! 14. Sacia-nos, desde o romper da aurora, com teu amor infinito, e exultaremos de alegria, todos os nossos dias. 15. Alegra-nos na proporção dos dias em que nos puniste, pelos anos em que passamos sob grande sofrimento. 16. Que as tuas realizações se manifestem aos teus servos, e a teus filhos, a tua maravilhosa 17. Que a graça do Senhor, nosso Deus, pouse sobre nós; faze prosperar as obras das nossas mãos; sim, confirma a obra das nossas mãos! - Bíblia Sagrada